(escritor, psiquiatra)

“Alice, no fundo de todos os nossos sentimentos sobre a morte há um medo biológico que está imbuído em nós, que faz parte da nossa estrutura. Sei que este medo é irracional, também já o senti. Não contém palavras. Todos os seres vivos querem persistir em ser – Spinoza disse-o há 350 anos. Só temos de tomar consciência de que é assim mesmo, não nos espantarmos com isso. De tempos a tempos, esse medo estrutural apodera-se de nós. Acontece-nos a todos. (…) Não importa quanto terror possa sentir… porque nunca irei afastar-me ou ignorá-la.”